Comércio Online em Portugal – Dados de 2016

comercio online ecommerce portugal dados 2016

O Comércio Online deixou de ser tendência e é neste momento uma realidade e até uma moda que todas as marcas querem aproveitar.
Quando digo que é uma moda, não me refiro a uma moda passageira. Refiro-me a uma moda, porque muitas são as empresas que apenas apostam em e-commerce porque o “vizinho do lado, ou a empresa de referência também o faz.

Falta de espaço em disco, sites offline, caixas de e-mail que não funcionam?

"Já sofri na pele todos esses problemas. E o meu objectivo em relação ao serviços de alojamento passou a ser um bom suporte aos problemas que eu, como leigo nessas matérias, vou tendo no dia a dia."

» Após algumas experiências, que colocaram os meus poucos cabelos em pé, optei pela WebTuga pois foi a empresa que sempre me respondeu e ajudou.
"A WebTuga oferece o serviço de alojamento gratuito por 15 dias para testar o serviço.".

Fácil é pensar que e-commerce se resume a criar um site de vendas, em prestashop, woocommerce, shopify ou tictail.
A verdade é que o site de comércio online é a parte simple do processo.

» E-commerce é em grande parte, suporte e logística.
Sem ter estes processo devidamente planeados, estruturados e testados de pouco vale criar o site de vendas online. Aliás, ocorrerá na maioria das vezes uma de duas situações. Ou o negócio online será um completo fracasso e não haverá qualquer negócio efectuado com base no mundo digital, ou então o comércio online será uma enorme fonte de problemas.

Vale a pena apostar em e-commerce? Os números dão a resposta!
Feita esta introdução poderão pensar que defendo não estarem presentes no comércio online. Nada disso. O e-commerce é uma oportunidade gigantesca que tem de ser aproveitada.
– E será que esta oportunidade é realmente grande?
– E em Portugal será que também vale a pena fazer uma aposta no comércio online?

Eu acho que sim e pelo que vejo no relatório da SIBS sobre o comércio online em Portugal no ano de 2016, os números também assim o dizem.

E você acredita que o comércio online pode ajudar a melhorar o desempenho do seu negócio e até criar novas oportunidades?
Deixe o seu comentário.